Carregando...

Brigas entre irmãos – como lidar com elas sem enlouquecer!

Olá pessoal, tudo bem? Quem tem mais de um filho deve ter presenciado (muitas vezes) brigas entre os pequenos. Não podemos nos esquecer que os pequenos conflitos entre irmãos são normais e, em parte, saudáveis!

Veja algumas dicas para lidar melhor com os momentos de crise das crianças!

Aceite: ciúme entre os irmãos existe
Brigas entre irmãos e irmãs são normais, sentir ciúmes é normal, por isso não tente impor uma harmonia artificial! Na imaginação dos pequenos, o amor dos pais é um grande bolo dividido em pedaços. Os pedaços “diminuem” com o número de crianças, e eles se sentem ofendidos e tristes! Temos que fazê-los entender que o amor dos pais cresce e multiplica-se com o número de filhos e um pai pode amar (e muito!!) dois, três ou quatro filhos.

irmãos-brigando

Diferencie eles ao máximo
Não compará-los, ao contrário, enfatizar os pontos fortes, gostos, estilos de cada um deles é um ótimo caminho. Não ofereça presente para o mais velho se o aniversário é do caçula! Nós celebramos o nascimento de uma criança, não dos irmãos! Momentos de intimidade compartilhados provam que cada pessoa é única, e também seu amor!

Não pare as brigas imediatamente
Confrontos entre irmãos têm uma função: garantir seu lugar, marcar território e aprender sobre respeito. Se existe uma alternância entre as brigas e momentos de cumplicidade e brincadeiras, está tudo bem, o vínculo fraterno está se auto-regulando. Não há razão para se preocupar! As brigas muitas vezes param tão rapidamente como começam! Não há necessidade de intervir sempre e, especialmente, não pronunciar a pergunta: “Quem começou?”. Dê-lhes uma chance de resolver o conflito por conta própria. Mas você deve intervir se houver agressão física.

Seja justo
Nada é pior para um pequeno que ser punido de forma errada, e uma vez que é difícil saber exatamente quem começou, o melhor é optar por um castigo leve para cada criança. Porque se você punir demais, corre o risco de transformar um mal-entendido passageiro em um ressentimento.

Destaque os momentos de cordialidade e companheirismo
Muitas vezes, estamos mais atentos aos momentos de crise que aos momentos de harmonia. E isso está errado! Quando o silêncio reina na casa, é interessante expressar a sua satisfação: “O que vocês estão jogando? Fico muito feliz em vê-los tão felizes juntos!” Proponha jogos e brincadeiras para eles compartilharem. As brigas aumentam se eles ficam entediados!

Gostou das dicas? Compartilhe 🙂

 

One thought on “Brigas entre irmãos – como lidar com elas sem enlouquecer!

Comments are closed.